Escolher um corte de cabelo que combine com o formato do seu rosto é algo extremamente importante. Se você não liga muito pra isso, não deve saber, mas o corte de cabelo errado pode te fazer parecer uma pessoa completamente diferente e esconder as melhores características do seu rosto.

Por isso, vale a pena conversar com um barbeiro experimente que consiga explorar suas feições e escolher o melhor comprimento e desenho dos fios.

Um estilo que se encaixa perfeitamente em vários formatos de rosto e ocasiões é o corte social. Na verdade, esse estilo não é bem um corte, são vários com algumas características em comum, entre elas: comprimento mais curto, divisões pouco acentuadas e linhas pouco marcadas.

VANTAGEM DO CORTE SOCIAL

Esse corte é bastante útil pra quem procura uma opção discreta para ambientes corporativos e eventos sociais onde a formalidade é indispensável.

Mas mesmo se você não trabalhar em um escritório rígido ou precisar comparecer em um evento formal, pode se beneficiar de um bom corte social, afinal, ele é prático, proporciona leveza e é bem versátil.

SEM ERRO

Uma vantagem desse tipo de corte é a sua versatilidade. Quando você cortar o cabelo nesse estilo, não vai precisar ficar adaptando o penteado para ocasiões diferentes e nem precisar pensar muito na hora de escolher uma roupa.

Os cortes que seguem essa linha são mais curtos, mas nada impede que você crie um corte social em um cabelo de comprimento médio, por exemplo.

PRINCIPAIS CORTES

 

Um dos cortes mais clássicos e práticos para fazer o estilo social é o Princeton ou Ivy League. Esse tipo de cabelo se tornou popular nas principais universidades norte-americanas no início do século e, desde então, é procurado por quem quer um visual mais formal e prático.

Ele nunca sai de moda e segue a linha mais clean: as laterais são curtas, o topo é mais baixo e a frente do cabelo é um pouco mais comprida – formando um topete discreto.

Ele até lembra o corte militar, mas os fios são um pouco mais compridos! A partir desse modelo, você pode criar vários outros estilos com o seu barbeiro e variar o comprimento e o desenho dos fios de acordo com o formato do seu rosto.

Mas, para manter a versatilidade, as laterais devem ser mais curtas que a parte frontal e os fios devem seguir o mesmo comprimento em cada parte da cabeça. Nada de desenhar riscas de navalha, criar topetes muito longos ou marcar as divisões de forma exagerada!

O corte social é a melhor saída pra quem não tem saco de visitar o barbeiro com freqüência ou cuidar do penteado em casa, já que, depois de sair do cabeleireiro, você não vai precisar passar muito tempo na frente do espelho arrumando os fios.

Gostou? então comente abaixo pra trocarmos aquela idéia!!6

via MHM